ALBUMINA – GUIA PRÁTICO DE SUPLEMENTAÇÃO

Postado em 14/12/2016

Benefícios da albumina e dicas de quando tomar albumina!

A albumina é uma proteína produzida pelo fígado e encontrada no plasma sanguíneo.

A clara do ovo, também conhecida como albumina, tem 88% de água e o restante de proteína. Como suplemento, é obtida separando a clara da gema e em seguida, há a desidratação e pasteurização da clara que fica com proteína, mas sem aumentar o nível de colesterol (que fica na gema).

É um suplemento cheio de controvérsias por conta do seu sabor, que normalmente desagrada algumas pessoas. Em contrapartida é um dos suplementos mais antigos do mundo.

Em termos de saúde, o uso da albumina via suplementação apresenta maior segurança em relação ao consumo de ovos (que podem causar algum tipo de intoxicação por bactérias como Salmonella, por exemplo).

Existem várias marcas de albumina no mercado e algumas delas produzem albumina com hidratos de carbono e gorduras, então fique sempre atento aos rótulos e de olho na tabela nutricional da albumina pra ficar ligado no que você consome.

 

ovo

 

Benefícios da albumina são muitos: tem alto valor biológico e aminoácidos essenciais. De fácil digestão, tem vantagens na praticidade de consumo, para se ter uma ideia, em 30g do suplemento tem o equivalente a 8 claras de ovos.

 

BENEFÍCIOS DA ALBUMINA:

 

 

  • auxilia no ganho de massa muscular
  • evita elevados níveis de gordura no corpo
  • regula a produção de energia
  • reconstrução das fibras musculares
  • sensação de saciedade
  • nutre os músculos em repouso

 

COMO TOMAR ALBUMINA:

 

drink

 

A albumina é vendida em pó e deve ser consumida com água ou leite. Como é uma proteína de absorção mais lenta, pode ser consumida antes ou depois de horas em jejum, ou seja, tomar albumina antes de dormir ou logo ao acordar, evitando o catabolismo durante o sono.

Pode ser usada no pós-treino, caso você não consuma Whey Protein (que tem absorção mais rápida) – de 20 a 30g por dia é o suficiente! Bater com 250ml de água, suco ou leite.

Lembrando que é sempre importante ter acompanhamento de um nutricionista e respeitar a individualidade biológica de cada um.

 

Leia tambémDEXTROSE, GLUTAMINA, COLÁGENO e TERMOGÊNICOS.

 

Referências:

Peters, T., All About Albumin: Biochemistry, Genetics and Medical Applications, Academic Press
Gutman, H., Jack, D.O. FAAFP

Curta!

Facebook By Weblizar Powered By Weblizar